Iniciativa

VISEU 2030 é um fórum de reflexão que projeta o desenvolvimento de Viseu no horizonte de uma década.

Um movimento aberto e inclusivo de debate cívico que visa a definição de políticas públicas de desenvolvimento local e regional.

Descarregue o dossiê de apresentação.

viseu_img

Áreas temáticas

Agricultura, desenvolvimento rural, coesão do território e floresta
Ambiente, Sustentabilidade e Alterações Climáticas
Vida Ativa, Saúde e Felicidade
Desenvolvimento económico, recuperação da atividade económica e captação de investimento para Viseu
Cultura, Indústrias Criativas e Património
Educação e Formação ao longo da vida
Família, Natalidade e Envelhecimento
Políticas Públicas & Instrumentos de Financiamento
Proteção Civil, riscos naturais e tecnológicos
Turismo, valorização dos recursos territoriais e desenvolvimento local
Viseu, Cidade Feliz e Inteligente. Qualidade de Vida, Segurança e Política Urbana

Objetivos

1

Promover a participação cívica da comunidade no planeamento estratégico de Viseu.
2

Debater um novo ciclo de políticas públicas locais, regionais e nacionais de promoção da qualidade de vida para todos.
3

Definir propostas e ideias relevantes para apresentação no PORTUGAL 2030.
4

Projetar e reinterpretar o papel de Viseu enquanto cidade-região, nos planos económico, social, ambiental e cultural.

Como se desenvolve?

  • 10 Workshops temáticos, abertos à participação pública, ao longo de 12 meses.
  • 99 prioridades e propostas de ação.
  • 1 Estudo Científico Prospetivo.
  • Contributos presenciais e participações online.
  • 1 Estratégia e Plano de Ação VISEU 2030.

Como posso participar?

O VISEU 2030 é aberto à participação de todos: munícipes, investidores, instituições e comunidade na diáspora.

A participação pode ser presencial em cada um dos workshops a realizar e à distância, através do formulário online.

Coordenação Científica

Presidente Almeida Henriques
Coordenação Geral

António Almeida Henriques

António Almeida Henriques é Presidente da Câmara Municipal de Viseu desde Outubro de 2013. É também Vice-Presidente da Associação Nacional de Municípios Portugueses (ANMP), Presidente da Secção de Smart Cities da ANMP, Presidente do Conselho Estratégico do Portugal Smart Cities Summit no âmbito da Fundação AEP e Presidente do Conselho Geral da Fundação FEFAL- Fundação para os Estudos e Formação nas Autarquias Locais

58 anos, casado, com três filhos, é natural de Viseu e advogado de profissão.

Anteriormente, entre 2011 e 2013, exerceu as funções de Secretário de Estado Adjunto da Economia e Desenvolvimento Regional do XIX Governo Constitucional, tendo-se destacado no lançamento de programas de política pública como o “Revitalizar” ou o “Valorizar”, na reprogramação estratégica e no avanço da execução do QREN (Quadro de Referência Estratégico Nacional) e na aprovação e implementação do pacote de medidas de apoio às famílias endividadas e de disciplina de práticas bancárias abusivas.

Deputado à Assembleia da República nas IX, X e XI e XII Legislaturas, foi vice-presidente do Grupo Parlamentar do PSD na XI Legislatura com a coordenação da área económica, tendo também exercido as funções de vice-presidente da Comissão de Assuntos Económicos da Assembleia da República e de vice-presidente da Delegação da OSCE (Organization for Security and Co-operation in Europe).

Como autarca, foi Presidente da Assembleia Municipal de Viseu e da Assembleia da Comunidade Intermunicipal Viseu Dão Lafões.

Na vida associativa, foi vice-presidente da CIP - Confederação da Indústria Portuguesa, presidente do CEC/CCIC - Conselho Empresarial do Centro / Câmara de Comércio e Indústria e presidente da AIRV - Associação Industrial da Região de Viseu. Das duas últimas, é também presidente honorário.

Mantém uma participação ativa em diversas instituições culturais, sociais e científicas da cidade e região de Viseu.

É Comendador da Ordem do Mérito Agrícola, Comercial e Industrial (Classe do Mérito Industrial), por atribuição do Presidente da República Jorge Sampaio, e Presidente Honorário da AIRV.

José Soeiro
Coordenação Científica e Técnica

José Soeiro

Dados pessoais:

  • Nome: José Mariano dos Santos Soeiro.
  • Data de nascimento: 26 de dezembro de 1951.
  • Aposentado pela Caixa Geral de Aposentações

Habilitações académicas:

  • Licenciado em Agronomia pelo Instituto Superior de Agronomia.

Experiência profissional:

  • Curador do Beneficiário dos Fundos Europeus Estruturais e de Investimento, de 01-05-2015 a 31-01-2016
  • Presidente do Conselho Diretivo da Agência para o Desenvolvimento e Coesão, I. P. de 16-12-2013 a 30-04-2015.
  • Presidente do Conselho Diretivo do Instituto Financeiro para o Desenvolvimento Regional, I. P., de 30-04-07 a 16-12-2013.
  • Diretor-Geral do Desenvolvimento Regional, de 17-04-06 a 30-04-07.
  • Gestor da Iniciativa Comunitária Interreg III, com o estatuto de encarregado de missão, de 28-10-01 a 17-04-06.
  • Presidente do Conselho Diretivo do Instituto da Vinha e do Vinho, de 24-02-95 a 30-10-01.
  • Vice-Presidente do Instituto dos Mercados Agrícolas e da Indústria Agroalimentar, de 07-04-93 a 24-02-95.
  • Adjunto do Secretário de Estado dos Mercados Agrícolas e Qualidade Alimentar, de 20-11-91 a 07-04-93.
  • Vice-Presidente do Instituto de Qualidade Alimentar, de 11-09-87 a 20-11-91.
  • Chefe de Divisão do Instituto de Qualidade Alimentar, de 17-07-81 a 11-09-87.
  • Engenheiro de 2.ª classe do Instituto de Qualidade Alimentar, de 01-06-79 a 17-07-81.
  • Monitor do Instituto Superior de Agronomia, de 02-12-75 a 01-06-79.

Outra experiência profissional:

  • Consultor no domínio dos fundos europeus estruturais e de investimento, desde 01-02-2016
  • Gerente da Paradigma de Mérito – Prestação de serviços unipessoal, Lda., desde 14-06-2016.
  • Agraciado com a medalha de ouro do Eixo Atlântico pelo Rei de Espanha, em 19-02-2015.
  • Membro do Conselho Consultivo da Fronteira.
  • Administrador da Companhia das Lezírias, S. A., de 1993 a 1996.
  • Vice-Presidente da Assembleia-Geral da Companhia das Lezírias, para o triénio 1991-1993.
  • Administrador da CEQUAL — Centro de Formação Profissional para a Qualidade de 1993 a 1996.
  • Vice-Presidente da Associação Portuguesa para a Qualidade, de 1992 a 1996.
relatores
Coordenação temática

Administração municipal com relatores técnicos convidados

Cada workshop terá um coordenador político, esta função será exercida pelo Presidente ou por um membro da Vereação.

A coordenação de cada workshop convidará ainda dois especialistas no domínio temático da área.

Os coordenadores políticos de cada área são:

  • Educação e Formação ao longo da vida – Cristina Brasete
  • Coesão territorial, desenvolvimento económico e atração de investimento empresarial – António Almeida Henriques
  • Cultura, Indústrias Criativas e Património – Jorge Sobrado
  • Agricultura, Desenvolvimento Rural e Floresta – João Paulo Gouveia
  • Família, Natalidade e Envelhecimento – Cristina Brasete
  • Atividade Física, Saúde e Felicidade – Ermelinda Afonso
  • Viseu, Cidade Feliz e Inteligente. Qualidade de Vida, Segurança e Política Urbana – António Almeida Henriques
  • Ambiente, Sustentabilidade e Alterações Climáticas – Conceição Azevedo
  • Turismo, Internacionalização, Recursos Territoriais e Desenvolvimento Local – Jorge Sobrado
  • Proteção Civil, Riscos Naturais e Tecnológicos – Cristina Brasete
  • Políticas Públicas e Instrumentos de Financiamento – António Almeida Henriques